Total de visualizações de página

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

PRECE PELOS VÍCIOS

Senhor, venho humildemente hoje a Tua presença rogar proteção e amparo, pelos vícios que trago comigo e dos quais não consigo me libertar...

Sei que são ruinosos aos meu corpo e ao meu espírito mas não me sinto forte o suficiente para abandoná-los, encontrando-me vazio e entendiado sempre que distante deles.

Dos vícios abaixo, por mais aceitos socialmente e por mais incentivados, ajuda-me a abandonar:

O vívio do cigarro, ajuda-me a abandonar!

O vício da bebida alcólica, ajuda-me a abandonar!

O vício da alimentação excessiva, ajuda-me a abandonar!

O vício da infidelidade, ajuda-me a abandonar!

O vício da prática sexual compulsiva, ajuda-me a abandonar!

O vício da sensualidade vulgar, ajuda-me a abandonar!

O vício da palavra impensada, ajuda-me a abandonar!

O vício da maledicência, ajuda-me a abandonar!

O vício da inveja, ajuda-me a abandonar!

O vício da falsidade, ajuda-me a abandonar!

O vício do ressentimento, ajuda-me a abandonar!

O vício da arrogância, ajuda-me a abandonar!

O vício do orgulho tolo, ajuda-me a abandonar!

O vício da preguiça, ajuda-me a abandonar!

O vício da má vontade, ajuda-me a abandonar!

O vício da omissão, ajuda-me a abandonar!

Todos os vícios, meu Deus, ajuda-me a abandonar!

Os males da Terra existem porque nossa resistência moral ainda é frágil e pouco ou nada fazemos para que ela se torne barreira intransponível a tudo que possa causar prejuizo a nós ou ao nosso próximo.

As doenças, a má qualidade de vida, os lares destruídos, as esperanças juvenis minadas, a prostituição, as drogas, os desvios de caráter, as perversões, as aversões inextinguíveis, as guerras, as tramas sórdidas, a morte, e o todo o mal, em si, são frutos de pequenos vícios que se tornaram grandes ameaças pela força de adesão de imensa parcela humana à sua nefasta influência!...

Ajuda-me, Senhor, a enxergar o mal que os vícios produzem em meu espírito, destinado por Ti à glória das Alturas, e concede-me força para extinguí-los em mim. Que minha presença seja notícia de saúde física, mental e moral nos locais em que transito, e incentivo pessoal a que meus irmãos de jornada passem igualmente a amar-se mais, cultivando o que é bom e belo à vida que desfrutam, e deixando para trás todo e qualquer hábito vicioso que possa ocasionar o seu atraso e a sua ruína.



Assim seja!







Clique aqui para ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/toxicodependencia/prece-pelos-vicios/?PHPSESSID=0f67bb1032d8f877832bd30ba1be8065#ixzz1Yig55Mhv